Infiltrando-se na Wong Industries: uma cena cyberpunk para Fate

Nunca fui fã de “play reports” mas acho que finalmente pude ver o benefício de se escrever um: compartilhar uma cena, extra ou qualquer ideia que usei para o meu jogo sem ter que criar um suplemento inteiro para isso. Então, acontece que eu iniciei  uma campanha Cyberpunk usando o Destinos Imaginários (um Fate Acelerado … Mais Infiltrando-se na Wong Industries: uma cena cyberpunk para Fate

3 Dinossauros para Modula 6

Dinossauros nunca são demais! Se você tiver alguma oportunidade de colocar um destes em sua campanha isso diz duas coisas sobre o seu jogo: Você é um bom Mestre de Jogo Os PJs estão ferrados! Portanto, não desperdice a chance quando ela surgir! SIM, nas novas ilustrações de dinossauros, os bichos têm penas. Acostumem-se! Tiranossauro … Mais 3 Dinossauros para Modula 6

Halflings para Modula 6

Halflings, presente desde sempre nos RPGs de fantasia. São criaturas pequenas, adeptas do conforto e da boa vida. Sua sociedade é bucólica e vivem em comunidades simples em colinas (onde moram em tocas) ou ao longo dos rios, em pequenas casas que podem passar desapercebida pelos homens que por ali passam. Mas existem aqueles que … Mais Halflings para Modula 6

O problema do Min-Max

Voltar a jogar um RPG no estilo da era de prata trouxe muitas coisas boas de volta à mesa: a liberdade narrativa descompromissada de amparo nas regras, estrutura diferenciada de desafios, etc. Mas também trouxe algumas desvantagens que há muito eu não tinha que lidar (especialmente o Fate): o min max. O que é Min-Max? … Mais O problema do Min-Max

Relembrando o OPERA RPG

Durante a faculdade, eu estava extremamente insatisfeito com os RPGs da época (algo entre 2002 e 2004, provavelmente – a memória me falha). D&D via seus primeiros anos com a sua terceira edição e foi neste momento que me despedi do jogo, por pura insatisfação. Os lançamentos dos demais jogos também decepcionavam, sem falar na … Mais Relembrando o OPERA RPG